Resenhas de Outubro, 2011

Resenhas de Outubro, 2011

O menino sem imaginação

Uma pane no sistema de telecomunicações deixa o Brasil inteiro sem televisão. Dá para imaginar o que acontece? O país vira um caos! E quem parece sofrer mais com isso é Tavinho, um garoto completamente viciado em TV. Tão dependente que não consegue imaginar nada por conta próprias: a televisão sempre fez isso por ele. Enquanto o povo brasileiro procura alternativas para preencher o dia-a-dia antes tomado pela TV, Tavinho tem um desafio ainda maior: aprender a ter suas próprias idéias! Esse é o ponto de partida de sua luta contra a submissão eletrônica e de sua busca pelo poder de sonhar.

Professor proteína

As dicas do Professor Proteína farão você ganhar um corpo saudável e cheio de energia.
Divirta-se fazendo exercícios e descubra como seu corpo vai se desenvolvendo de forma bem legal!

Bullying não é amor

Este livro aborda a relação entre as crianças no ambiente escolar. A menina tornou-se alvo das palavras maldosas dos colegas de escola. Elas se transformaram em plaquinhas que, além de ofuscarem a beleza e a espontaneidade da garota, ainda esconderam seus pontinhos.

A rua barulhenta

É só abrir este livro da Márcia e a Rua que fica aqui dentro do livro começa a fazer barulho – veja se não é assim. E barulho de festa. Palavras que se combinam, imagens que cantam, e todas dançam umas com as outras. Tudo por afeto! E tem música. E risada de criança correndo de adulto que a manda parar. E pipoca estourando. Até barulho de beijo – hummmm! – tem também. Entre cá, fique à vontade! A Rua toda é sua.

Draculinha, um astro em Hollyblood

Precisavam de um astro mirim para o filme Caninos de leite. Emoção, Draculinha foi o escolhido! Tomou aulas de interpretação com o Tio Aristides e, antes mesmo de o filme estrear, já era uma celebridade. Ganhou fã-clube, virou capa de revista, jurado, apresentador. Teve alguns probleminhas com a Dora, que seria a estrela. Mas resolveu tudo com uma mordidinha no seu pescoço.

Alice no País da Mentira

Chateada com a mentira de um amigo, Alice refugia-se no sótão da casa da avó. Lá encontra um espelho que serve de passagem para um mundo em que a lógica é diferente da nossa. É ali que ela descobre como a mentira e a verdade são relativas.

O ESCORREGADOR DE GELO


Por mais azarados que sejam, até agora os órfãos Baudelaire pelo menos sempre estiveram juntos. Pois neste livro décimo da série Desventuras em Série a tragédia é ainda maior: separados do bebê Sunny, Klaus e Violet são obrigados a descer uma montanha escorregadia, enquanto tentam salvar a irmã mais nova das garras do temível conde Olaf.

Irmão-Sanduíche

Esse livro conta a história de dois irmãos, o Leonardo mais novo e Arninho o mais velho. Eles eram arteiros e gostavam de brincar. De repente nasceu Rodrigo, o caçulinha. Ali começaram os problemas. Leonardo ficou sem nada para fazer, resolveu fugir. O que será que vai acontecer com Leonardo?

Era uma Vez, Uns Três

A obra é uma releitura criativa de alguns mitos e elementos do imaginário e da literatura -cavaleiro andante, bruxas, dragões, gato preto, fantasmas, bicho-papão, morcegos, assombrações, entre outros. Interagindo criativamente com os avós, as crianças desempenham diversos papéis, numa convivência mágica e repleta de afeto.

A Moedinha que Queria Comprar a Felicidade

A moedinha sabia que as moedas são redondas e que, por isso, têm de circular. Só que a moedinha não sabia que ia circular tanto, por tantas mãos, tantos lugares, passando por grandes aventuras. Este livro conta a história dessa moedinha.

O BICHINHO DA MAÇA: MAÇA DO AMOR

O Bichinho da Maçã está apaixonado! Quem será a musa que conquistou seu coração?

Arco-Íris no Escuro

A mãe de Abby a levou para fazer compras, mas a garota está entendiada. A última coisa que queria era estar ali, naquela loja!
Mia sabia ela o que algo diferente estava para acontecer, que faria o seu dia mais feliz.

A felicidade das borboletas

Marcela, que estuda balé, vai fazer sua primeira apresentação – e sua fantasia é de borboleta.

Fabulinhas famosas

Em Fabulinhas famosas, as crianças vão viajar no mundo mágico do faz-de-conta, extraindo de cada fábula os valores fundamentais para a vida, como solidariedade, justiça e ética.
Com ilustrações lúdicas e texto adaptado para crianças até o terceiro ano do ensino fundamental, a obra traz fábulas de grandes mestres.

Livro – Quadribol Através Dos Séculos

Quem leu as aventuras do aprendiz de feiticeiro mais famoso do mundo já deve estar familiarizado com o quadribol ? esporte típico dos bruxos e tão popular para eles quanto o futebol para os não-bruxos. No quadribol, os jogadores ficam suspensos em suas vassouras durante a partida e cada time tem sete jogadores: um goleiro, dois batedores, três artilheiros e um apanhador.

Almanaque Ruth rocha

Já pensou ter muitos livros em um só? Um livro ao mesmo tempo criativo, útil, engraçado, cheio de idéias, curiosidades… Ah, e ilustrado pelos melhores artistas brasileiros! Assim é este livro-almanaque. Dividido em 12 meses, aqui você encontra brinquedos e brincadeiras, charadas, canções, datas comemorativas, estações do ano, experiências científicas, fases da lua, fatos históricos, folclore, personalidades, piadas, provérbios e muito mais. Um livro para todos os anos e o ano inteiro.

Tampinha

Tampinha era tão pequena que usava uma tampinha de garrafa na cabeça para ficar um pouco mais pesada. Vivia com sua avó, uma velhota muito entendida em plantas e chás. Um dia, Bonito, o rapaz que morava por perto, fica doente. A única coisa que pode salvá-lo é um chá de uma certa flor muito difícil de conseguir, pois a árvore de onde ela floresce é guardada pelo Curupira. Tampinha se oferece para a empreitada. A avó lhe dá uma pimenta como amuleto e lhe ensina umas palavras mágicas. No caminho, ela enfrenta a Cobra Grande e a Onça-Pintada; atrapalha-se com as palavras mágicas, mas os presentes da avó revelam-se providenciais. Enfim, a menina chega à árvore das tais flores. Comendo seus frutos, Tampinha se torna grande e acaba enfrentando o próprio Curupira, que, com um espirro, manda-a de volta para casa. Bonito é curado, Tampinha agora é uma moça, então… só falta o casamento, oras!

A morte tem sete herdeiros

Temos sete amalucados brasileiros, todos extremamente suspeitos por suas trapalhadas. Em lugar de um assassinato clássico, temos… Bem, tudo isso só o leitor descobrirá.

O fantasma da torre

Três adolescentes resolvem fazer uma visita noturna ao “castelo” – um casarão antigo, tombado pelo Patrimônio Histórico –, em cuja torre viveria um fantasma. Em meio a dificuldades, sustos e muita poeira, eles acabam descobrindo um cadáver e uma misteriosa mensagem. Decidem, então, esperar pela lua cheia de maio, quando o olho do lince decifrará o estranho enigma.

Cuidado garoto apaixonado

Não é fácil ter onze anos e estar em dívida com alguém que salvou sua vida. Principalmente quando esta pessoa é o seu melhor amigo e está apaixonado pela mesma garota que você.

O LAGO DAS SANGUESSUGAS

Se você ainda não leu nada sobre os órfãos Baudelaire, é preciso que antes mesmo de começar a primeira frase deste livro fique sabendo o seguinte: Violet, Klaus e Sunny são legais e superinteligentes, mas a vida deles, lamento dizer, está repleta de má sorte e infelicidade. Se você não tem estômago para engolir uma história que inclui um furacão, uma invenção para sinalizar pedidos de socorro, sanguessugas famintas, caldo frio de pepinos, um horrendo vilão e uma boneca chamada Perfeita Fortuna, é provável que se desespere ao ler este livro. Continuarei a registrar essas histórias trágicas, pois é o que sei fazer. Cabe a você, no entanto, decidir se verdadeiramente será capaz de suportar esta história de horrores. Respeitosamente, Lemony Snicket

Quem Está Perseguindo Zero-Zero-Au?

Quem será o motorista do carro verde? E por que ele está perseguindo Bob Bond? Lina, Lu e Bastian estão decididos a defender o cãozinho e para isso enfrentarão qualquer desafio.

Maria Resmungona

Maria reclama de tudo e de todos. O cãozinho Veludo é o único que ainda escuta suas broncas e instiga a mudar de atitude. O encontro com pessoas aparentemente estranhas levará a menina a repensar seus conceitos.

Gente bem diferente

Era uma vez um avô e uma avó. Um pai e uma mãe. e dois netos – Rodrigo e Andréia. Gente como toda gente. Gente como toda gente? Nada disso, gente bem diferente.” Assim começa este meu novo livro, que conta as incríveis descobertas de dois irmãos sobre as identidades secretas e misteriosas das pessoas de sua família. Uma família muito especial, cheia de segredos. Ou uma família como todas as outras? Para saber, trate de ler. A história contada pelo Rodrigo . Os versinhos inventados pela Andréia. E, no fim, ainda tem mais. Adivinhe – se for capaz.

Na Terra dos Gorilas

Helena ganha um prêmio da ONU e visita a África juntamente com um grupo de jovens de outros países. Chegando lá, enfrenta problemas que envolvem questões sociais e ecológicas da região. Vive fortes emoções entre estranhos costumes tribais, guerrilhas de fronteira e pigmeus caçadores antes de encontrar o amor.

Contos de enganar a morte

Quatro pessoas que recebem a visita da morte usam a criatividade para driblar a indesejada das gentes.

O Menino Que Achou Uma Estrela

O que poderia fazer um menino ao ver, em uma manhã, depois de uma noite de forte tempestade, uma estrela-menina, caída, encharcada e apagada? O personagem construído por Marina Colasanti, mesmo sem saber como lidar com uma criatura tão diferente, mesmo tendo de lidar com a incompreensão da mãe, não hesitou. Era preciso levá-la para casa, cuidar dela. Mas como? Parecia pesada demais para carregar no colo. (…) Assim, durante dias, o menino ocupou-se da estrela tratando de mantê-la sempre aquecida e de renovar o leite na tigela… Com tantos cuidados, carinho e dedicação a estrela voltou a brilhar tão forte que o menino mal conseguia dormir… Mais uma vez não hesitou. Devolveu-a ao céu. Uma história de encantar. Afeto, ternura, atitudes altruístas têm faltado em muitos espaços e, muitas vezes, na sala de aula.

O gigante egoísta

Um gigante tem um grande jardim. As flores, as árvores e os pássaros gostam muito de brincar nele com as crianças. Mas, o gigante fecha o jardim e impede a entrada delas. Tudo fica desolado e triste e até a primavera não aparece depois do inverno.

O GUARDA-CHUVA VERDE

Young-i vai a pé para escola em uma manhã de muita chuva. No caminho depara com um mendigo que dorme sentado em meio ao temporal. Crianças zombam dele e uma mulher esbraveja: “Esse velho, esse velho! Por que não some logo?”. A menina, ao contrário dos demais, se enternece e, num gesto singelo, dá uma lição de solidariedade e afeto.

LADRAO DE OVOS

Laura e seu irmão Carlinhos desejam muito ter os próprios bichos de estimação, já que os cavalos e a vaquinha são do pai; os burricos e a cabrita, do avô; as galinhas e aves, da mãe e da avó (e um pouquinho deles também). Os gatos, bem, estes são da casa… Por isso ficam muito contentes quando o pai chega com dois cachorros de presente. Tudo corre bem até que os ovos começam a sumir do quintal. Serão os moleques da vizinhança? Um gambá? Intrigados, os irmãos resolvem investigar. Qual não é a surpresa ao descobrirem que o ladrão de ovos está entre eles. E agora, como lidar com a situação?

Uma cama para três – Yolanda Reyes

André tem muito medo do dragão que aparece em seu quarto, invadindo seus sonhos. Por conta disso, adia o quanto pode a hora de dormir: demora para escovar os dentes e vestir o pijama, pede à mãe que lhe conte histórias e mais histórias, o que a deixa exausta e muito, muito zangada… Quando finalmente dorme, passa um tempinho e ele já acorda sobressaltado com o pesadelo do dragão. Daí para a cama dos pais é um pulo. Mas, como em cama de dois não cabem três, ele é sempre mandado de volta a seu quarto. Até que numa noite fria de tempestade os pais cedem e André descobre que medo não tem idade.

Votupira, o vento doido da esquina

O menino Fabrício, de 7 anos, passa férias com o avô enquanto seus pais tentam se reconciliar após várias brigas. Durante a visita do neto, o avô conta a história de Votupira, criatura temível: rápida como a onça, enganadora como cobra, pior que fantasma. Feito moleque, Votupira brinca de esconde-esconde, assusta crianças, mas também cria o eco, faz bolhas de sabão, acaricia o rosto dos ciclistas e, como o amor, está por toda parte.

Mestre gato e comadre onça

Mestre gato, exímio capoeirista, se aventura no mundo com seu berimbau. Toma um caminho nunca antes trilhado no meio da mata e depara com uma clareira ajeitada, boa para botar capoeira. Instala-se ali e faz do Pau-Pereira sua morada permanente. Coloca uma placa nessa árvore oferecendo aulas e logo chegam curiosos vários animais. “Venham vadiar, vamos jogar capoeira!”, convida ele. Mas eles temem a onça enorme que anda cercando a área. E se estiverem jogando, distraídos, e ela aproveitar para abocanhar todos de uma vez? Capoeira é jogo mandingueiro, tinhoso, com ela nenhuma onça pode, diz mestre gato. E não é que ela aparece, pedindo aulas de capoeira? O esperto gato vê aí a ocasião de derrotar a onça. Entre gingadas, aú, armada, banda e outros, o gato vai demonstrando que, contra a força, vale a astúcia. E isso mestre gato tem de sobra!

Sexta verde na Trilhas

🍃 Vamos de receitinha vegana para nossa sexta verde? Empadão de palmito, feito aqui na

plugins premium WordPress