Criança brinca de casinha em qualquer lugar, mas fazer na cabaninha é melhor ainda. Pegue lençóis, travesseiros, almofadas, cobertores, pratinhos e copos de plástico, bonecos, livros e até uma lanterna. Aí é só prender o lençol em duas cadeiras ou amarrado na janela. Também vale usar aquelas cabanas prontas, fáceis de montar. Aproveite para entrar, junto com seu filho, no encantado mundo do faz-de-conta. É na brincadeira de casinha que ela treina os papéis na sociedade, usa e abusa da imaginação.

FONTE: Revista Crescer

Related posts

Como é o lá fora que a gente quer?

Conexões genuínas entre as crianças e a natureza podem revolucionar o nosso futuro. Mas será que essa descoberta ainda é possível nos grandes centros urbanos do mundo? Evidências científicas apontam que a falta de contato com a natureza pode contribuir para problemas físicos e mentais. No novo capítulo de “O Começo da Vida”, os principais

Leia Mais

Dia Mundial da Alfabetização

O Dia Mundial da Alfabetização é celebrado desde 1967, no dia 8 de setembro. Esta data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), com o objetivo de incentivar a discussão sobre o tema no mundo todo com ênfase em

Leia Mais

Dia dos Pais

Tributo a um pai gigante Como se mede a estatura de um pai? Com uma régua de dois metros? Meu pai media alguns centímetros, talvez quatro ou cinco, além de um metro e meio, mas tenho certeza de que era um gigante que se debruçava à noite, em minha cama, para ajeitar o cobertor e

Leia Mais