A falta de contato com a natureza gera transtornos de comportamento nas crianças

A falta de contato com a natureza gera transtornos de comportamento nas crianças

Transtorno da falta de contato com a Natureza (Nature Deficit Disorder), é um termo criado por Richard Louv em seu livro, Last Child in the Woods (Tradução: A Última Criança nas Florestas). Refere-se à alegada tendência de as crianças terem cada vez menos contato com a natureza, resultando em uma ampla gama de problemas de comportamento.

Louv afirma que estudos realizados na Califórnia e na maior parte dos Estados Unidos mostram que os estudantes das escolas que utilizam as salas de aula ao ar livre e outras formas de educação utilizando experiências com a natureza apresentaram significativamente melhor desempenho em estudos sociais, ciências, artes, linguagem e matemática.

Veja aqui o artigo completo sobre os estudos das conseqüências para as crianças deste problema e a importância da educação ambiental com atividades interativas na natureza para evitá-lo, já que a falta de contato com a natureza gera transtornos de comportamento nas crianças.

Fonte: Instituto Rã-bugio para Conservação da Biodiversidade

Sexta verde na Trilhas

🍃 Vamos de receitinha vegana para nossa sexta verde? Empadão de palmito, feito aqui na

plugins premium WordPress