Alexander Calder (1898 –1976) é o pai da arte cinética.  O artista inventou esculturas que se mexiam- os móbiles. Ao longo de sua vida, também criou um mini-circo, que apresentava a outros artistas e colegas. O circo era feito de materiais muito simples: arames, rolhas, pedaços de madeira e outras sucatas. Os pequenos bonecos realizavam incríveis performances.

Os alunos do 2os anos criaram personagens de circo inspirados na bailarina Fanni  (personagem do circo de Calder). Foi um processo longo que durou todo o trimestre. Inicialmente o boneco foi construído com jornal, depois realizamos a pintura e a confecção das roupas e adereços.

Aprecie as fotos e bom divertimento!

Related posts

Escolas começam a enfrentar déficit de natureza das crianças

Se alguma escola ainda tem grama sintética no parquinho é melhor arrancá-la imediatamente. Está tudo errado nessa ideia meio anos 1980 de se construir um ambiente artificial para que a criança não se suje enquanto brinca no intervalo. Primeiro, porque a brincadeira no pátio não é vista mais apenas como algo que o aluno faz

Leia Mais

Todas as escolas públicas de Nova York aderem à Segunda Sem Carne

Já está mais do que comprovado pela ciência de que uma das melhores maneiras de ajudarmos o meio ambiente éreduzir o consumo de carneou abraçar de vez a dieta vegetariana. Especialistas dizem que reduzir o consumo de carne vermelha é mais eficaz contragases do efeito estufado que deixar de andar de carro. Foi pensando nisso

Leia Mais