5 tendências de brinquedos da maior feira do país

CRESCER visitou a Abrin, feira de brinquedos no Brasil que é a terceira maior exposição desses produtos do mundo. Entre tantas cores, barulhos e texturas, reunimos as principais novidades que estarão nas prateleiras nos próximos meses.

Se você acha que já viu tudo em termos de brinquedo, você não perde por esperar. Está acontecendo esta semana, em São Paulo, a 29ª Abrin, a feira anual do setor de brinquedos do país. Durante a cerimônia de abertura, o presidente da Abrinq (Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos), Synésio Batista da Costa, disse que a feira deve movimentar este ano pelo menos 30% da receita anual da indústria brasileira do setor, estimada em R$ 6,4 bilhões. CRESCER esteve na feira e mostra as cinco principais tendências que você e seu filho vão descobrir juntos este ano:

Gadgets que viram brinquedos
A grande tendência da Abrin é a mistura dos jogos virtuais com brinquedos reais. Os tabuleiros e as pistas de corrida agora são iPads e iPhones. Para brincar, você tem que baixar o aplicativo na App Store, gratuitamente. Então, cada jogador escolhe o seu carro ou o seu personagem preferido e a brincadeira começa. Você e seu filho vão poder apostar corrida, trocar as roupas das bonecas e tentar acertar o tiro no alvo.

Faça você mesmo
Uma fábrica de cupcakes de verdade, um kit para criar e fazer bijuterias de massinha, um jeito de montar e criar seu próprio super-herói. Esse tipo de brinquedo, em que parte da diversão é fazer uma outra coisa e depois usar, comer ou criar uma nova brincadeira está cada vez mais forte. Ótimo para seu filho poder soltar muito a criatividade e a imaginação.

Seu brinquedo vai ser do seu filho
Lembra daquela mesinha de “cubos de gelo” que você precisava quebrar com o martelo? Ou daquele cofre que abria inesperadamente e fazia o jogador que colocou a última moeda se dar bem no jogo? Ou aquela boneca que você colecionava? Então, esses e muitos outros brinquedos da sua época de criança estão de volta em versões reformuladas e modernizadas. Imagina que delícia vai ser poder matar as saudades da sua infância brincando com seus filhos do mesmo jeito que você brincava?

Tudo verde
Aproveitar caixas de papelão em brinquedos superbem produzidos. Logo logo, esses brinquedos estarão espalhados pelo quarto do seu filho. A criatividade vai longe. As novidades incluem um balão, uma casinha e até um carro com alças para ele vestir e sair por aí. Ideia verde, vintage e divertida!

Do virtual para o real
O movimento inverso também está em alta. Agora, em vez dos brinquedos reais se transformarem em aplicativos, os apps se tornam reais. Pela feira, encontramos os passarinhos e os porquinhos do jogo Angry Birds e até mesmo o Ben e o Tom daquele famoso aplicativo Talking Ben e Talking Tom.

 

FONTE: Revista Crescer

Related posts